Sinecom-JP

Saúde do Trabalhador

Veja aqui como você pode melhorar mais ainda a sua saúde de diversas maneiras.

Algumas Dicas de Saúde

comerciario

Imagem Direitos e Benefícios

LER – DORT

Imagem Direitos e Benefícios

A LER e DORT são as siglas para Lesões por Esforços Repetitivos e Distúrbios Osteo-musculares Relacionados ao Trabalho, sendo doenças caracterizadas pelo desgaste de estruturas do sistema músculo-esquelético que atingem várias categorias profissionais.

Diferentemente do que ocorre com doenças não ocupacionais, as doenças relacionadas ao trabalho têm implicações legais que atingem a vida dos pacientes. O seu reconhecimento é regido por normas e legislações específicas a fim de garantir a saúde e os direitos do trabalhador.

 

Tudo sobre LER – DORT

 

Sintomas da LER- DORT

Geralmente os sintomas são de evolução insidiosa até serem claramente percebidos. Com freqüência, são desencadeados ou agravados após períodos de maior quantidade de trabalho ou jornadas prolongadas e em geral, o trabalhador busca formas de manter o desenvolvimento de seu trabalho, mesmo que à custa de dor. A diminuição da capacidade física passa a ser percebida no trabalho e fora dele, nas atividades cotidianas.

 

As queixas mais comuns do portador de LER - DORT são:

  • Dor localizada, irradiada ou generalizada,
  • Desconforto,
  • Fadiga,
  • Sensação de peso,
  • Formigamento,
  • Dormência,
  • Sensação de diminuição de força,
  • Inchaço,
  • Enrijecimento muscular,
  • Choques nos membros e
  • Falta de firmeza nas mãos.

 

Nos casos mais crônicos e graves, pode ocorrer:

 

  • Sudorese excessiva nas mãos e
  • Alodínea (sensação de dor como resposta a estímulos não nocivos em pele normal).

 

Causas da LER – DORT

A LER ou DORT são as manifestações de lesões decorrentes da utilização excessiva, imposta ao sistema músculo-esquelético, e da falta de tempo para recuperação. Lesões neuro-ortopédicas como as tendinites, sinovites, compressões de nervos periféricos podem ser identificadas ou não.

Os fatores de risco não são necessariamente as causas diretas das LER - DORT, mas podem gerar respostas que produzem as LER – DORT. Os fatores de risco não são independentes, interagem entre si e devem ser sempre analisados de forma integrada. Envolvem aspectos biomecânicos, cognitivos, sensoriais, afetivos e de organização do trabalho.

 

Fonte: http://www.bancodesaude.com.br

Constituição da república federativa do Brasil

Imagem Direitos e Benefícios

Título VIII    
Da Ordem Social

Capítulo II    
Da Seguridade Social

Seção II    
Da Saúde

 

Art. 200. Ao sistema único de saúde compete, além de outras atribuições, nos termos da lei:

        I -  controlar e fiscalizar procedimentos, produtos e substâncias de interesse para a saúde e participar da produção de medicamentos, equipamentos, imunobiológicos, hemoderivados e outros insumos;

        II -  executar as ações de vigilância sanitária e epidemiológica, bem como as de saúde do trabalhador;

        III -  ordenar a formação de recursos humanos na área de saúde;

        IV -  participar da formulação da política e da execução das ações de saneamento básico;

        V -  incrementar em sua área de atuação o desenvolvimento científico e tecnológico;

        VI -  fiscalizar e inspecionar alimentos, compreendido o controle de seu teor nutricional, bem como bebidas e águas para consumo humano;

        VII -  participar do controle e fiscalização da produção, transporte, guarda e utilização de substâncias e produtos psicoativos, tóxicos e radioativos;

        VIII -  colaborar na proteção do meio ambiente, nele compreendido o do trabalho.